La Pépinière Macabre

 

Louise Bourgeois (1911 – 2010)  foi uma importante escultora franco-americana que contribuiu para o desenvolvimento da arte contemporânea e de uma inovadora abordagem abstracta e autobiográfica, conhecida como Confessional Art. Foram as suas peças altamente simbólicas que fizeram com que os seus observadores conhecessem profundamente os seus sentidos de ansiedade, o trauma, a sexualidade, vulnerabilidade, o medo, a dor e o macabro, tornando-se estes belos.

 

” A obra “Maman” é um ode à minha mãe. Ela era a minha melhor amiga. Tal como uma aranha, a minha mãe era tecedeira. A minha família estava no ramo de de tapeçarias e a minha mãe a cargo da oficina. Tal como as aranhas, a minha mãe era muito inteligente. Elas são uma presença amiga que se alimenta de mosquitos. Sabemos que são os mosquitos que espalham doenças e, por essa mesma razão, são indesejáveis. Por isso, as aranhas são úteis e protectoras, tal como a minha mãe. “

Maman

Janus Fleuri

Arch of Hysteria

Give It Or Take It

 

http://pastexhibitions.guggenheim.org/louisebourgeois

Anúncios

Abençoados Comentários!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: